Início > cultura, música, resenha > resenha: dante xxi – sepultura

resenha: dante xxi – sepultura

Lançado em março na Europa e EUA, somente agora em junho o último álbum de estúdio do Sepultura, 11° na carreira, chega oficialmente ao Brasil com a repercussão de ser o trabalho mais pesado da formação composta pelo vocal de Derrick Green, mais a “surpresa” que este álbum provavelmente será o último que contará com a participação do batera Igor Cavaleira, isso porque ele saiu da banda um dia antes do lançamento em terras tupiniquins, conseqüentemente será um desfalque de peso para os próximos trabalhos que o Sepultura venha realizar.

“Mas e o que dizer deste cd??”

Dante XXI foi concebido a partir da obra literária A Divina Comédia do italiano Dante Alighieri e tal como o livro, o disco possui a visão da banda sobre as três odisséias narradas pelo autor, são elas: inferno, purgatório e paraíso. Mas até ai nada de novo como já foi muito discutido, falado e informado em outras notícias espalhadas pela internet: aqui, aqui, aqui, …, aqui.

A partir deste contexto e escutando algumas vezes o cd, notamos que o disco é dividido respeitando as três odisséias e começa ao melhor estilo Sepultura, com muito peso, peso e mais PESO (que beleza!!), ou seria inferno ?! (rs) e gradativamente vai diluindo toda agressividade e fúria, onde é latente a excepcional e criativa bateria de Igor e guitarra de Andreas, até chegar na canção Still Flame que remete ao paraíso de Dante, usando e abusando de instrumentos orquestrados (cordas, trompa e etc), que por sinal é utilizada na medida certa, oferecendo uma nova experiência músical para a banda. Diante disso meu saldo final:

“Um ÓTIMO cd!!
Pode comprar sem medo de ser feliz … :)”

Mas admito que não é digerido facilmente, as primeiras vezes que escutei confesso não ter achado nada demais ou inovador, porém aos poucos canções como Convicted In Life, City Of Dis (minha predileta), False, Ostia e Nuclear Seven vão grudando em nossos ouvidos como um chiclete pegajoso, até que percebemos estar totalmente envolvido por mais um belo disco conceitual criado por eles.

“Vida longa ao Sepultura!!!”

É isso pessoal, por hora é só, mas logo, logo vou escrever algo mais sobre o primeiro show do Sepultura com o novo baterista Jean Dolabella (parece nome de artísta de novela … rs), que aconteceu anteontem no Circo Voador, aguardem … t+

ao som de: “False” – Sepultura

Categorias:cultura, música, resenha
  1. 7 agosto 2006 às 10:32 pm

    Cara, foi mal no sábado.
    Deu tudo errado! O show do Rubão atrasou demais, paramos pra comer e esquecemos da hora e o show do Sepultura não atrasou!
    Foi mal mesmo. Tú nem ia mais no show, eu te chamei e não fui!
    Mas demos muito mole…Mais uma vez, foi mal.
    Quanto ao “Dante XXI”: Fodaço!!
    Um dos melhores com o Derek, sem sombra de dúvida.
    Apesar de o Igor estar matador com sempre, esse disco é do Andreas! Só riff animal! Acho até que é por isso que ele tá fazendo tanta questão de divulgar o álbum: quando o cara acerta a mão, neguinho decide pular fora do barco? Sacanagem…
    O negão também tá mandando muito no vocal sinistro.
    E o uso dos metais e cordas só acrescentou ao som da banda.
    Um puta disco de uma puta banda.
    Vida longa! A todos eles. Os caras merecem.
    Valew!
    E o show? Foi bom?
    t+!

  2. 13 agosto 2006 às 12:24 pm

    Opa!! E ai tarso blz?

    Primeiramente, queria dizer que o corre-corre dessa semana acabou deixando-me distante do blog e conseqüentemente não respondi antes por tal fato, blz??

    Pra começar, sem desculpas camarada!! … SEM GRILO!! … pelo contrário, senão fosse você ter ligado eu concerteza não teria me animado pra ir no show, antes de ligar eu estava em um dilema: “ir ou não ir és a questão?”. Acabou que sua ligação funcionou feito um estopin, deixei de lado o cansaço, preguiça, extresse e principalmente as péssimas lembranças que tenho de voltar do centro tarde da noite de busão, abre aspas:

    “taquara é longe de tudo, apesar de amar o lugar que moro, é nessas horas que sinto falta de um sistema de transporte decente na nossa região … MONOPÓLIO MALDITO!!!”

    Resumindo, consegui arranjar um carro emprestado e lá no circo encontrei com meu amigo aldo, grande companhia, que por sinal ficou feito uma encarnação do mal a semana toda que antecedeu o show me atentando: “showzão bora!!! showzão bora!! bora!! … bora!!” e depois do show continuou: “Muleque!! Já pensou se tu perdesse esse show?? ia te azucrinar muito!!! Tem noção??” … (rs). Enfim, valeu a todos, inclusive ao Leão que tava animadão pra ir, mas infelizmente não deu dessa vez mas terão próximos …😉.

    Bom, eu ia escrever a respeito do show como descrevi no post acima, porém meu amigo aldo “metal” nogueira (o cara denovo) escreveu a respeito do show e ao ler parecia até que tinha escrito, é claro tirando algumas peculiaridades afinal não tenho, por exemplo, o cabelo ao estilo Maria Bethânia … (rs). Para ler a respeito do show visitem aqui e aqui, complementei o post dele com minhas opiniões pessoais no comentário dos posts e novamente:

    “Vida longa ao Sepultura!!!”

    Sobre o disco você acrescentou muito bem o que escrevi e de fato os riffs do Andreas estam animais, que por sinal era o cara mais animado no show, mandando introdução de ozzy algumas vezes, chamando o público, enfim, SHOWZÃO!!

    É isso camarada,
    []’s t+.

  3. Juliano Pereira
    14 agosto 2006 às 10:31 am

    Raul, grande cara!!! esse cd é simplesmente foda e o Igor deixou uma pedreira para esse novo batera… ñ gostaria de estar no lugar dele, e o que dizer do Andreas… cruzes!!! o cara ta muito puto, acho que ele está descontando tudo que teve que tocar com o Junior, hehehe O DISCO É FODA D+!!!! e só pra lembrar tem SLAYER!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  4. 14 agosto 2006 às 10:43 pm

    Fala bozó, realmente esta muito bom o cd novo, vamos aguardar para ver como serão os próximos. Agora sobre o slayer, tu agora vai né rapa???? So quero ver!!! … (?!)

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: